O Portal 27 recebeu, na última semana, a reclamação de um morador do bairro Adalberto Simão Nader. Segundo o rapaz, há meses que lixo e entulho vão se acumulando em um lote aberto e nenhuma entidade, até então, havia tomado providência. De acordo com uma moradora do bairro, o local se tornou propício para a proliferação de doenças e perigoso para idosos e crianças que passassem por lá.

De acordo com uma moradora do bairro, o local se tornou propício para a proliferação de doenças e perigoso para idosos e crianças que passassem por lá.

Em resposta à demanda, a Prefeitura de Guarapari respondeu que, por meio da fiscalização da Secretaria de Postura e Trânsito (Septran), será possível identificar o proprietário do imóvel “para que ele proceda com a limpeza e manutenção do lote”. Além disso, a Prefeitura acionou também a Codeg, para melhor verificação da ocorrência.