O estacionamento rotativo, um sistema que já foi adotado em Guarapari em anos anteriores, porém cancelado em 2018 pela prefeitura por problemas com a empresa que realizava o serviço na época, já tem data para retornar.

Os valores serão baseados no tempo de uso da vaga e no tipo de automóvel que está parado.

Este serviço irá retornar em dezembro deste ano e agora contará com uma empresa nova responsável pela administração e funcionamento, a Rizzo Parking, que irá implantar tabela de preços diferentes e horário máximo permitido, além de estar presente em mais bairros da cidade.

O novo rotativo vai funcionar nos bairros Centro, Muquiçaba, Praia do Morro, Praia de Bacutia, Praia de Peracanga e Setiba, porém, segundo o diretor de marketing da empresa, Flávio Mello, a implementação será de forma gradual, com o Centro sendo o primeiro bairro a receber o serviço.

“Não vamos começar a cobrança em todas as áreas determinadas. As áreas estarão implantadas por completo em até seis meses. A princípio começamos as atividades no Centro, onde a equipe está sendo treinada e capacitada. Já temos endereço próprio. Em breve receberemos currículos e atenderemos as necessidades e dúvidas da população”, contou Flávio.

Os valores serão baseados no tempo de uso da vaga e no tipo de automóvel que está parado. Para carros os preços serão de R$1 por 30 minutos, R$2 por uma hora, R$3 por duas horas, R$4 por três horas e R$5 por quatro horas.
Já para as motos, será cobrado R$0,50 por 30 minutos, R$1 por uma hora, R$2 por duas horas, R$3 por três horas e R$4 por quatro horas.

Além disso, outra novidade está sendo implementada, os comerciantes que tenham interesse de se tornarem pontos de venda podem realizar o cadastro, recebendo uma comissão de 10% de todas as vendas feitas. Flávio também comentou como será a isenção para moradores que não possuem garagens.

“Concederemos um aplicativo simples, em que os comerciantes ganharão 10% de comissão de todas as vendas feitas pelo aplicativo. Os interessados precisam enviar os dados cadastrais no e-mail admguarapari@rizzoparking.com.br”, disse o diretor de marketing.
Que continua. “Quem dirá quem é isento ou não é a prefeitura. Ela nos fornecera as informações das placas que são isentas. O morador indo até a prefeitura, e recebendo essa isenção da prefeitura, ele não precisará fazer mais nada. O resto nosso sistema faz.”

Além disso, todas as vagas de carros irão contar com sensores de estacionamento. Ao todo serão 3.921 disponíveis durante o período de alta temporada, e, para a parte da logística, serão instalados 10 parquímetros e a empresa ofertará cursos de treinamento para os trabalhadores.

Os interessados em tirar dúvidas ou tentarem uma vaga de emprego deverão ir até a rua Joaquim da Silva Lima,180 Edifício solar sol da manhã, sala 12.

*Os valores são correspondentes ao primeiro ano da concessão do rotativo, e podem sofrer alterações nos anos seguintes.