O Tribunal de Contas do Estado (TCE-ES), proferiu uma decisão monocrática pedindo explicações sobre as obras de revitalização da Praia do Morro em Guarapari. A decisão foi tomada pelo Conselheiro Sérgio Borges, após uma petição protocolada pelos vereadores Thiago Paterlini (PMDB) e Lennon Monjardim (Podemos).

O Conselheiro deu a prefeitura e a empresa vencedora da licitação, o prazo de 5 dias para que as mesmas deem explicações sobre os questionamentos dos vereadores.  Entre as alegações dos vereadores estão que algumas obras são anunciadas, mas não são concluídas, o que segundo eles, fere a legislação.

A decisão foi tomada pelo Conselheiro Sérgio Borges, após uma petição protocolada pelos vereadores Thiago Paterlini (PMDB) e Lennon Monjardim (Podemos).

Segundo Thiago “a reforma para fazer uma manutenção é necessária na orla. Mas fazer uma nova orla, como a prefeitura quer, não é preciso. Basta dar manutenção nos pontos que realmente precisam. O prefeito quer gastar mais de duzentos mil com os novos banheiros. Isso é rasgar dinheiro”, afirmou.

O vereador também questiona outras obras. “Ele quer mexer na Praça da Paz. Não tem nessa necessidade. São diversas obras paradas.  A prefeitura tem duas novas sedes compradas, sem contar os aluguéis milionários que eles pagam. Eu posso provar”, comenta.

Thiago diz que é preciso ter critérios para os investimentos. “O prefeito está indo na contramão a situação do país. Estamos vivendo dificuldades, uma crise econômica. Tem que ter foco e investir no que realmente é prioridade para a população, como é a questão da saúde, por exemplo”, disse.

O Portal 27 procurou a prefeitura para que ela se manifestasse e fomos informados que “O município já recebeu a notificação do Tribunal de Contas e prestará todos os esclarecimentos dentro do prazo estipulado”

Deixe seu comentário