Em depoimento que durou duas horas e meia, na tarde de hoje (30), o motorista do Palio cinza, Taironny Rosa Miranda, disse à polícia que não estava disputando racha com o Golf de Felipe Braga Vargas.

GEDSC DIGITAL CAMERA
Delegada Carolina Valle Brandão está cuidando do caso.

De acordo com a delegada Carolina Valle Brandão, Taironny alegou que eles estavam apenas se dirigindo para uma lanchonete localizada na Avenida Paris. “Eles disseram que foram pegar um contorno para ir à lanchonete, quando o carro de Felipe passou em alta velocidade”, explica a delegada.

Ainda de acordo com a delegada, o grupo de amigos estava em uma sorveteria tomando açaí e depois disso, combinaram de ir para a lanchonete. Um dos funcionários da sorveteria prestou depoimento, mas não quis falar com a imprensa. Após prestar depoimento, Taironny saiu em companhia de dois advogados, pela porta lateral da delegacia para evitar a imprensa.

CAM00541[1]
O Portal 27 fotografou o carro para ver se existiam danos. Aparentemente o carro está em perfeito estado. Foto Wilcler Lopes

Intimação. A delegada explica que Taironny prestou depoimento por vontade própria, sem precisar ser intimado. Mas os outros ocupantes do carro – que haviam dito que também iriam depor hoje – sendo um rapaz e duas meninas, mudaram de ideia e afirmaram que só vão prestar depoimento se forem intimados. “Nós vamos intimá-los ainda essa semana”, disse a delegada.

Prazo. Segundo a delegada, o inquérito tem trinta dias para ser fechado, mas ela espera terminar antes disso. “Vamos ouvir a polícia de trânsito, as mães de Felipe e Ana Carolina e esperar o laudo da policia civil”, disse ela, explicando que a policia já solicitou as imagens de outras câmeras de prédios da região, para ver todo o trajeto da sorveteria até o local do acidente.

CAM00542[1]
Motorista fez questão de levar o carro para a delegacia. Foto Wilcler Lopes.

Acidente. O acidente aconteceu no último sábado, na Avenida Beira Mar na Praia do Morro. Felipe Braga Vargas dirigia o Golf placa MSI-6308, segundo testemunhas ele disputava um racha com o Tayronny que conduzia o palio.

O Golf subiu na calçada, bateu no poste e a universitária Ana Carolina Carriço dos Santos, 18 anos que estava no banco do carona morreu na hora. Felipe continua internado no hospital Metropolitano na Serra. As imagens das câmeras de monitoramento de um prédio mostraram o acidente.

Deixe seu comentário