Há 23 anos no mercado a escola de idiomas Basic está sempre procurando inovar e dessa vez a novidade é o sistema bilíngue que está sendo implementado nos colégios particulares parceiros.  

Segundo a diretora administrativa Léa Heard Travassos, o sistema bilíngue começou a ser aplicado em fevereiro e já faz sucesso no Centro Educacional Souza Marques (CESM). Através dele os estudantes passam a estudar inglês diariamente.

Professor Allan e seus alunos aprendendo inglês e se divertindo. Foto: Facebook Basic

“Nós colocamos 4 professores simultaneamente dando aulas direto para todas as séries e todos os dias. Os alunos se transformam em alunos bilíngues realmente porque essas aulas são absorvidas em sua carga horária. Nelas os professores trabalham a interdisciplinaridade ensinando o vocabulário daquilo que o aluno está vendo nas disciplinas, só que em inglês”, explica. 

E para quem não está mais na escola ou estuda em uma instituição que ainda não é parceira do Basic no sistema bilíngue, o curso de inglês na sede do Basic é a melhor opção para aprender um segundo idioma com qualidade. 

“Os alunos se transformam em alunos bilíngues realmente porque essas aulas são absorvidas em sua carga horária.”, explica Lea

O curso é dividido em quatro níveis, o básico, o elementar, o intermediário e o avançado com duração, em média, de 6 anos. O material didático é da Oxford University Press, que é a maior editora universitária do mundo, e os professores são altamente capacitados.

Atualmente a escola conta com 25 turmas distribuídas nos turnos da manhã, tarde e noite e crianças com idade entre 3 a 10 anos estudam o primeiro semestre gratuitamente para poderem se adaptar ao curso pagando apenas o material didático. 

Outra vantagem é que o Basic não é uma franquia, por isso, a preocupação é realmente com o aprendizado do aluno. “Nossa preocupação não é vender livros, por isso, não somos uma franquia.  Aqui a Oxford nos fornece um livro que é para ser consumido em um ano, mas às vezes ele é consumido em 10 meses e em outras em 1 ano e 2 meses. Vai de acordo com o que a gente acha que aquele determinado grupo precisa”.

A escola ainda conta com um espaço de recreação para os alunos se divertirem. Foto: Facebook Basic

A instituição ainda conta com uma biblioteca em que os alunos podem pegar livros emprestados e um espaço para recreação onde os alunos podem interagir e até mesmo fazer o dever de casa, se chegarem antes da aula. “Nosso diferencial é que temos um espaço físico maravilhoso, um ambiente extremamente favorável para deixar um filho e com professores comprometidos realmente a leva-los a aprender inglês”. 

Cambridge. Ao final de cada nível o aluno recebe o certificado de Oxford gratuitamente e a escola ainda é preparadora oficial da prova do certificado de Cambridge, que é aceito mundialmente e realizado no mesmo dia no mundo inteiro de acordo com o nível do aluno. 

O Basic vai abrir novas turmas em agosto e já está recebendo solicitação de vagas. As informações podem ser obtidas nos telefones (27) 3261-0142/3362-1398 e 98828-0142. Você também pode conhecer mais sobre a escola acessando o site www.basicidiomas.com ou na página da escola no Facebook Basic Idiomas

 

Deixe seu comentário