A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Marilândia, prendeu, nesta segunda-feira (15), um homem de 27 anos, suspeito de envolvimento na morte de Thamyris Alexandra Virgulino Pascoal, de 18 anos, que ocorreu na madrugada da última terça-feira (09). O homem foi preso durante a tarde no Córrego Sumidouro, na zona rural do município de Marilândia.

O corpo da vítima foi encontrado pela Polícia Civil na última sexta-feira (12), em uma área de difícil acesso.

Investigações. Segundo o delegado Leonardo Ávila, titular da Delegacia de Polícia de Marilândia, durante as investigações, foram obtidos diversos indícios da participação de outras pessoas. “Isso se deve ao fato de que o cadáver da vítima foi encontrado em um local de difícil acesso e enterrado em uma cova com, aproximadamente, 70 a 80 centímetros de profundidade. É pouco provável que o suspeito, de 35 anos, detido na quinta-feira (11), tenha conseguido praticar o homicídio e ocultar o cadáver sozinho, dada a complexidade da operação”, disse.

Na tarde de segunda-feira (15), a equipe da DP de Marilândia identificou e prendeu um homem de 27 anos, suspeito de participação no crime. “Ele negou a participação na morte da vítima, mas confessou ter auxiliado na ocultação do cadáver. Em poder dele, foi apreendida uma moto Honda Bros de cor branca com número de motor e chassis adulterados. Acreditamos ter sido dada a ele pelo suspeito detido na quinta-feira (11), como pagamento pela participação nos crimes”, relatou o delegado Leonardo Avila. 

O suspeito foi encaminhado para exame de lesões corporais e, em seguida, ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Colatina, onde permanecerá à disposição da Justiça.  

Relembre o caso. Thamyris Alexandra Virgulino Pascoal, de 18 anos, desapareceu na terça-feira (09), após informar à família que passaria a noite na casa de uma amiga. Desde então, não foi mais vista. O corpo da vítima foi encontrado pela Polícia Civil na última sexta-feira (12), em uma área de mata de difícil acesso próximo à localidade de Taquara, na zona rural de Marilândia. Um suspeito de cometer o homicídio foi detido na noite de quinta-feira (11), em um hotel localizado no Centro da cidade de Ecoporanga.